DONA EDITH DO PRATO
(Edith Oliveira Nogueira)
1916  Santo Amaro da Purificação, BA - 9/1/2009, Santo Amaro da Purificação, BA
FOTOS
VÍDEOS


    Começou como cantora de sambas de roda em Santo Amaro da Purificação, quase todos de domínio público. Com sua voz rouquenha e esganiçada, cantava se  acompanhando com uma curiosa percussão, raspando uma faca em um prato, origem de seu nome artístico, extraindo um som extremamente animado. Sua estréia artística ocorreu no início da década de 70, em Feira de Santana (BA), em um grupo de teatro amador, do qual fazia parte o jornalista Luís Pimentel. Em 1973 gravou pela primeira vez, cantando alguns sambas de roda tradicionais no disco "Araçá azul", de Caetano Veloso, nas faixas "Viola meu bem" e "Sugar Cane Fields Forever". Em 1983 teve uma discreta participação na faixa "Filosofia pura", do disco "Ciclo", de Maria Bethânia. O primeiro CD saiu somente em 2003, "Vozes da Purificação", produzido por J. Veloso e inaugurando o selo Quitanda, da cantora Maria Bethânia. O segundo trabalho lançado foi o DVD "Dona Edith do Prato e Vozes da Purificação", lançado em 2006, e posteriormente lançado também em CD. Edith do Prato é reconhecida como um ícone sonoro da música tradicional da Bahia, representante dos sambas e chulas, assim como fora Clementina de Jesus anteriormente com o samba carioca. É admirada por diversos músicos e artistas, que conhecem de perto seu trabalho, como Maria Bethânia, Gilberto Gil, Caetano Veloso, Roque Ferreira, Mariene de Castro, Roberto Mendes, entre outros, além de merecer elogios de diversos críticos. Dona Edith faleceu em 9 de janeiro de 2009, em consequencia de um acidente vascular cerebral ocorrido no final de 2008.

DISCOGRAFIA


2003 - Vozes da Purificação (Independente)
1. Abertura (Tradicional)
    Cavaleiro (Tradicional) - com Sambaleiros
2. Quem Pode Mais (Tradicional)
    Dona Da Casa (Tradicional)
    Eu Vim Aqui (Tradicional) - com Maria Bethânia, Meninos do Sementes do Amanhã. Mariene de Castro e Vozes da Puruficação
3. Marinheiro Só (Tradicional) - com Vozes da Purificação
4. Casa Nova (Tradicional)
    Raiz (Tradicional) - com Mariene de Castro e Vozes da Purificação
5. Tombo Do Pau (Tradicional) - com Vozes da Purificação
6. Samba Numerado (Tradicional) - com Cortejo Afro e Vozes da Purificação
7. Arirí vaqueiro (Tradicional) - com Roque Ferreira e Vozes da Purificação
8. Senimbú E Calolé (Tradicional) - com Vozes da Purificação
9. Ai Dindinha (Tradicional) - com Nenê Barreto e Vozes da Purificação
10. Minha senhora (Tradicional)
     How Beautiful could a being be (Moreno Veloso) - com Caetano Veloso e Vozes da Purificação
11. Samba do camarão (Tradicional) - com Sambaleiros
12. Santo Amaro ê ê (Tradicional) - com Erlon Portugal e Vozes da Purificação
13. Viola Meu Bem (Tradicional) - com Vozes da Purificação
14. Vivas (Tradicional) - com Sambaleiros

2009 - Dona Edith do Prato & Vozes da Purificação (Independente)
1. Marinheiro Só (Tradicional)
2. Minha Senhora (Tradicional)
3. Santo Amaro ê ê (Tradicional)
4. Ai Dindinha (Tradicional)
5. Tombo do Pau (Tradicional)
6. Quem Pode Mais (Tradicional)
7. Dona da Casa (Tradicional)
8. Eu Vim Aqui (Tradicional)
9. Casa Nova (Tradicional)
10. Raiz (R. Mendes / J. Velloso)
11. Viola Meu Bem (Tradicional)
12. Quixabeira (Tradicional)
13. Hino da Nossa Senhora da Purificação (Tradicional)

DVD


2006 - Dona Edith do Prato & Vozes da Purificação (Independente)
1. Marinheiro Só (Tradicional)
2. Minha Senhora (Tradicional)
3. Santo Amaro ê ê (Tradicional)
4. Ai Dindinha (Tradicional)
5. Tombo do Pau (Tradicional)
6. Quem Pode Mais (Tradicional)
7. Dona da Casa (Tradicional)
8. Eu Vim Aqui (Tradicional)
9. Casa Nova (Tradicional)
10. Raiz (R. Mendes / J. Velloso)
11. Viola Meu Bem (Tradicional)
12. Quixabeira (Tradicional)
13. Hino da Nossa Senhora da Purificação (Tradicional)